Passeios
Parque Estadual da Lagoa do Açu Publicado: 24 Abril 2019 | Última Atualização: 24 Abril 2019

Ao norte no litoral fluminense está o Parque Estadual da Lagoa do Açu. Surfe, stand-up paddle, caiaque, banho de praia e de lagoa, e até passeio de pedalinho estão entre as atividades que podem ser praticadas no parque.

Criado em 2012, a área protegida é uma das caçulas do estado. A lista de atrativos, entretanto, é de gente grande. A Lagoa Salgada é um dos destaques devido à sua importância não apenas cênica, mas geológica, com formações calcárias que datam do Período Pré-Cambriano, entre 4.600 e 550 milhões de anos atrás.  Para quem gosta de caminhar, a Trilha do Tamanduá e da Pitanga são duas opções com 2,5 km e 2,6 km de extensão respectivamente. Além disso, a biodiversidade da área que abrange zonas de mangue, restinga e costeira também merece destaque.

Na área do parque ocorre todos os anos de setembro a março o período de desova de tartarugas marinhas. A base do Projeto Tamar (de conservação marinha), na Bacia de Campos, monitora 99 km de praias, nos municípios de Campos dos Goytacazes, São João da Barra e São Francisco de Itabapoana. Durante a temporada, os visitantes podem participar da soltura de filhotes com a equipe do Tamar no Farol de São Thomé, município de Campos dos Goytacazes.


A entrada no parque é gratuita.