Busca:
Home

Newsflash

Aniversário de Santos Dumont no Museu Aeroespacial

O Museu Aeroespacial promove, nos dias 21 e 22 de julho, das 8h às 20h, comemora os 145 anos de Santos-Dumont. Haverá shows aéreos e atrações musicais. e voos de réplica das aeronaves 14-Bis e Demoiselle. 

Leia mais...
Casa Briza no Jardim Guadalupe

Shopping Jardim Guadalupe realiza o ‘Skate Camp 2018’ em parceria com o projeto Briza. Espaço terá aulas gratuitas de skate para crianças de 6 a 12 anos, além de outras atividades.

Leia mais...
Corsário Carioca

Os passeios serão nos dias 22 (domingo) e 28 de julho (sábado), às 10h30. Grupo de Contadores de histórias promove passeio pela Baía de Guanabara para apresentar às crianças os relatos históricos do Rio de Janeiro.

Leia mais...
Tratamento de canal em crianças: elas também têm! PDF Imprimir E-mail

Intervenção tardia no dente de leite poderá prejudicar a mastigação, a formação da arcada
e ainda contaminar os outros dentes

Se o tratamento de canal já parece assustador para os adultos, imagina para a garotada? De acordo com Marina Campos Esteves, dentista do Hapvida, o tratamento de canal nos pequeninos se torna necessário quando a polpa dentária (tecido que se encontra no interior do dente) é atingida por trincas, fraturas dentais, normalmente causadas por quedas e principalmente por um processo avançado de cárie.

O tratamento de canal refere-se à remoção dessa polpa, com a substituição do espaço que ela ocupava por uma pasta obturadora odontológica. Em casos de uma inflamação da polpa (pulpite) será necessária anestesia local. Segundo a especialista, se o caso for mais avançado, ocasionando a morte dessa polpa (necrose), a criança não precisa de anestesia.

“Em dentes de leite removemos a polpa e a substituímos por uma pasta obturadora. Em dentes permanentes substituímos a polpa por cones de um material semelhante à uma borracha, conhecidos como guta percha.  Esse tratamento costuma ser realizado em uma única sessão. Já, em dentes permanentes, o procedimento pode durar uma ou mais sessões”, explica Marina.

Mesmo parecendo assustador para os pais e para as crianças, o tratamento é necessário. Conforme a profissional, a intervenção tardia no dente de leite poderá prejudicar a mastigação, a formação da arcada e ainda contaminar os outros dentes, mesmo os que ainda não nasceram. Ela conta, ainda, que a cárie é a principal causadora do canal.

A turismóloga Giovanna Machado já passou por tratamento de canal, mas toma todos os cuidados para que a filha Carina Machado, de 8 anos, não precise da intervenção. “Criança geralmente não se preocupa muito com os dentes e acha até chato. Cabe a mim, como mãe, ficar no pé. Até hoje, ela nunca teve uma cárie”, afirma.

Para evitar o canal, a dentista recomenda escovar os dentes pelo menos três vezes ao dia e usar o fio dental corretamente. Além disso, é importante evitar o consumo de doces com frequência, principalmente quando os responsáveis não estiverem por perto para acompanhar a escovação.

Pais, fiquem atentos quando...
- Aparecerem manchas nos dentes, tanto escuras quanto claras;
- Queixas de dor nos dentes;
- Ocorrerem quedas ou traumas sofridos na região da face.