Busca:
Home

Newsflash

Cozinha Natalina no Fashion Mall

Crianças terão oportunidade de preparar cupcakes, doces e enfeites para a data em oficinas no Mall.

Leia mais...
Leiturinha em braile

A Leiturinha, clube de assinatura de livros infantis, lança a coleção Lendo com os Dedinhos, criada e dedicada para as famílias que necessitam de literatura em braille.

Leia mais...
Mar e piscina podem provocar infecções de ouvido

Saiba como prevenir e curtir a estação mais quente do ano.

Leia mais...
Aviso

Campanha. AquaRio, Centro de Visitantes Paineiras e RioZoo aderem ao Dezembro Laranja, do mês de prevenção do Câncer da Pele.

Leia mais...
Treinamento funcional é opção de lazer para crianças PDF Imprimir E-mail

Alguns benefícios proporcionados pelo exercício são desenvolvimento motor e cognitivo, melhora na qualidade de vida e relações sociais

O que vem em sua mente quando pensa em treinamento funcional? Normalmente, este exercício está ligado ao pensamento de adultos praticando atividades em academias para adquirir um melhor condicionamento físico. Mas, na verdade, além deste treino ser voltado para todos os públicos, incluindo o infantil, também atua de forma mais dinâmica do que a musculação por meio de movimentos naturais do ser humano, tais como agachar, empurrar, girar, pular e correr.

Para as crianças, o treinamento funcional apresenta uma série de benefícios, tais como o desenvolvimento motor e cognitivo, gasto de energia, consciência corporal e controle mental, regulação do sono e apetite, ampliação da percepção coletiva, e, ao longo do tempo, a prática do exercício auxilia na formação de um adulto forte, seguro e com uma boa qualidade de vida.

“O treinamento funcional infantil é um meio de adquirir conhecimentos, desenvolver habilidades e integrar a evolução de corpo e mente. Esta prática pode ser realizada por qualquer criança, mas, por questões de segurança é ideal que o praticante esteja acima de quatro anos. Neste período, os pequenos já apresentam certa independência motora e cognitiva, portanto, aproveitarão mais os movimentos”, afirma Eduardo Silva, educador físico e sócio proprietário do Espaço Ideal Fitness.

Segundo Silva, a diferença do treinamento infantil para o adulto é o método exercido. As aulas são realizadas de forma lúdica, com a utilização de jogos, músicas e brincadeiras. “O funcional deve respeitar a faixa etária do público. Dessa forma, precisam ser criadas e desenvolvidas a fim de despertar o interessante das crianças. Por isso acabamos usando com frequência acessórios como bolas e cordas”, explica.

Ainda de acordo com o educador, o treinamento não está distante da realidade das crianças, pois o funcional é qualquer movimento produzido pelo próprio corpo. Então, brincadeiras infantis como corridas, cordas e vivo ou morto são consideradas funcionais. O diferencial desta metodologia para as práticas cotidianas é que nas atividades infantis, apenas uma capacidade física é estimulada. Enquanto que no funcional, o corpo é trabalhado de várias maneiras em uma única sessão.

Outro fator de diferenciação do treinamento para as crianças é a possibilidade de realizar os exercícios lúdicos em um ambiente seguro e de acompanhamento personalizado.

“A frequência ideal de um treinamento funcional realizado tanto em casa como em um espaço específico é relativa à quantidade de brincadeiras que a criança realiza em sua rotina. Porém, os pais devem ficar atentos na alimentação antes e após os treinos. O exercício não exige nenhum cardápio especial, apenas refeições que supram as demandas energéticas da prática”, revela Silva.